A melhor maneira de reduzir o custo de processamento de uma fatura?

Sabia que a cada ano enviamos 550 bilhões de faturas ? E que se prevê que isso quadruplicará nos próximos 15 anos? A maior parte das faturas ainda é processada manualmente. Acreditamos que mudar para a automatização por facturação eletrónica , também conhecido como ‘E-invoicing’, pode beneficiar a sua organização.

No passado a maioria das faturas era apenas um recibo manuscrito. Hoje, a maioria das faturas são documentos pdf enviados por e-mail. Embora se tenham tornado eletrónicas, ainda exige muito manuseamento da área financeira ao tratar uma fatura. A Dynatos vê muitas vantagens e oportunidades para os departamentos financeiros na robotização, entre outras, dos processos de processamento e tratamento das facturas ..

A fatura eletrónica significa que uma fatura é criada como um arquivo de dados (principalmente como um arquivo XML), e não como um documento. Desta forma, pode ser processado automaticamente e, portanto, é perfeito para um processo robotizado. Por quê? Porque a fatura é enviada diretamente do seu sistema para o do seu cliente ou fornecedor e vice-versa. Não há necessidade de um funcionário processá-lo manualmente. O seu sistema de contabilidade aceita a tarefa como uma factura eletrónica e desta forma temos a integração direta com seus sistemas.

A fatura eletrónica reduz os custos

Uma das principais vantagens da fatura eletrónica é o menor custo por processamento. Um estudo recente mostrou que o custo de uma única fatura cai mais de metade, ao usar a fatura eletrônica em vez de usar faturas em papel e PDF. O maior ganho é conseguido no processo de envio. A impressão de uma fatura e o uso de envelopes e selos não são mais necessários. Além disso, os custos de arquivo de faturas digitais são muito menores do que os de arquivo em papel, pois não há mais necessidade de espaço físico de armazenamento.

Faturação eletrónica será o novo padrão

Se nos perguntar, diremos que a facturação eletrónica se tornará o novo padrão. No momento, por exemplo, não apenas governos, mas também empresas de software estão a trabalhar em várias iniciativas para adotar o faturação eletrónica . A Routty, plataforma de faturaçao eletrónica é um bom exemplo dessa iniciativa. A Routty, Esta plataforma é totalmente operada em nuvem, é fácil de integrar com seus próprios sistemas e acelera a integração com clientes e fornecedores.

A fatura eletrónica será obrigatória

Espera-se que, no futuro, mais e mais países tornem a fatura eletrônica obrigatória, especialmente para empresas que fazem negócios com governos. Isso se deve, em parte, às regras mais rígidas de conformidade com os regulamentos tributários. Graças a faturação eletrónica, os governos podem verificar muito mais facilmente se as empresas seguirem os regulamentos do IVA. Neste momento Portugal já tornou como obrigatória a faturação eletrónica, nas empresas que faturam governos. A nível pan-europeu, foi introduzida uma plataforma para facilitar a faturação eletrónica: PEPPOL. Essa plataforma facilitará de forma padronizada, além de oferecer uma série de especificações que facilitam o processo de compras internacionais.

O futuro da fatura é a fatura eletrônica. Deixe a Dynatos apoia-lo. Quer saber mais sobre a fatura eletrónica e que tipo de oportunidades pode trazer à sua organização? Fale connosco. Estamos aqui para ajudá-lo.

Receba nossas últimas postagens e atualizações do blog